terça-feira, 13 de novembro de 2012

Lavradeira por um dia.

Foi a Feira de S. Martinho do Infantário do meu filho. Nada contra as Instituições privadas com fins lucrativos, mas no que toca a trabalhar para angariar fundos, promover as actividades e envolver a comunidade nas mesmas, só mesmo as IPSS. Elas lutam todos os dias para manter o bom funcionamento da sua instituição. Dão o litro, vestem a camisola. Verdadeiramente. E depois é bom ver os resultados. É bom ver a adesão e colaboração dos pais, das famílias e da comunidade em geral.
Gosto de ver coisas a funcionar bem! E esta instituição está mais uma vez de parabéns! Elas vão à luta e conseguem mexer e pôr tudo a mexer!
Pela primeira vez participei assim de uma forma mais intensa. Fui vendedora de produtos hortícolas na feirinha realizada no Adro da Igreja. Vestida a rigor e a encarnar a personagem!
 
De tal forma, que a certa altura enquanto atendia uma cliente aconteceu-me isto:

"Cliente: Ó menina vou levar estas batatas e duas pencas...
Eu: Sim senhora, vou já pôr no saco.
Cliente: Olhe lá, aquelas abóboras também são suas, ou são da outra? (A "outra" era uma mãe que tal como eu estava naquele "posto") É que se forem suas também levo!
Eu: (Meia parva e com enorme vontade de me descascar a rir) Sim, são minhas, quantas quer?
Cliente: Levo uma das grandes e se calhar também vou comprar alguma coisa à outra moça para ela não ficar chateada...
Eu: (Não resisti e lá lhe disse a verdade!) Ó senhora pode ir que a patroa é a mesma!
Cliente: Ahhhh já podia ter dito!!! Então pronto, ninguém fica chorar!!!"

Tudo pelos filhos! :)

Sem comentários:

Enviar um comentário