sexta-feira, 29 de junho de 2012

Carros.

Viajo em auto-estrada todos os dias.
Ir e vir.
Quase 40km para cada lado.
Resultado: viagens em piloto automático.
E não, não é uma daquelas funções xpto do meu carro. É mesmo eu iniciar e terminar a viagem sem praticamente me recordar de nada do que vi, do que estava na estrada... ou seja, não sei se é distração, ou pensamento na morte da bezerra, ou cansaço, ou sei lá o quê...

Só sei que é perigoso.
Fico sempre a pensar que se preciso de reagir a um obstáculo ou a um acidente serei capaz de me safar?
Acho, que tão perigoso como isto é conduzir usando o telemóvel. Mas eu acho mesmo que estou mais disperta e mais atenta enquanto falo ao telemóvel (sim, como qualquer pecador), do que quando conduzo assim em modo transe...

Pronto e é isto. Só bons exemplos.

Sem comentários:

Enviar um comentário